• Vinho Magazine

Espumantes

Stars - Avaliamos 40 espumantes de excelente relação custo x benefício e alta qualidade


Vinho espumante é sempre uma alegria, mesmo que seja tomado em petit comitée. Suas borbulhas significam efusões, sempre em alto astra. Para esta edição, selecionamos 40 exemplares de vinhos espumantes secos (Brut, Extra-Brut e Nature), com no máximo 15 gramas de açúcar por litro.


A qualidade dos espumantes brasileiros fica mais uma vez evidenciada. O produto, que é a maior vocação da Serra Gaúcha, responsável por 90% da produção de vinhos finos do país encara de igual para igual tradicionais regiões produtoras, como a Espanha (ou a Catalunha, envolvida em rinhas separatistas) e suas Cavas e a França e seus vins mousseux (não avaliamos desta vez nenhum Champagne, o mais célebre espumante).

Mesmo assim, a nota mais alta –90 pontos– foi conquistada por um vinho francês, da AOC Vouvray, no inesquecível Vale do Loire. Com a mesma pontuação estão três gaúchos e um português.

O interessante é que são vinhos de alta qualidade e baixo custo de aquisição, que podem enaltecer com alegria as festividades de fim de ano.

Não foram avaliados vinhos com maior teor de açúcar, embora sejam muito consumidos no Brasil, especialmente os Moscateis Espumantes, que merecem uma reportagem à parte.

Entre os exemplares avaliados, vinhos rosados e brancos das mais variadas composições e uvas, desde varietais (nesse caso a Chardonnay predomina) até cortes de inúmeras uvas brancas e tintas.

O preços variam de R$ 150,00 a R$ 18,50, com um valor predominante na faixa de 70 a 90 reais. Boas festas!